Chove e faz sol?


Quando você olha pra dentro, o que você sente? Tá mais ou menos assim né?! As veze chove e faz sol ao mesmo tempo. (e você lida bem com isso?)


Difícil entender onde começa um sentimento e termina o outro, tão diferentes e distantes. Tantos que até parece um peso. Tarefinha árdua aceitar todos.


Não dá pra experimentar uma coisa e tentar ser outra, o conflito dos opostos dói, a briga interna incomoda, desestabiliza. Aceitar os sentimentos como parte de quem se é: liberta. Além disso, num processo de mudança não da pra mudar o que a gente nem sabe que é:

Não podemos mudar, não podemos nos afastar do que somos enquanto não aceitarmos profundamente o que somos (Rogers, 1961).

Esse processo de permitir se conhecer e ACEITAR pode te levar á vários "lugares"... experimento mais daquilo que tenho vontade, faço mais daquilo que quero, tudo pode coexistir, tá tudo bem. Não existe um certo ou errado nisso, na verdade nem cabe mais pensar assim. Consigo ser livre pra ser quem eu sou, sem mais, não cabe me julgar ( ahhh isso é libertador).


Alice Marchett - Psicóloga CRP 18/05108

  • @psi.alicemarchett


16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo