E quando você é abusiv@?



Você controla as decisões que ele(a) toma? Respeita a privacidade do seu parceiro(a)? Manipula para que faça a sua vontade? É capaz de ouvir queixas e aceitá-las como válidas? Consegue lidar com o sucesso do seu parceiro(a) ou o invalida? Justifica seus comportamentos abusivos com álcool ou droga?


Se ao responder essas questões perceber que há uma tentativa de controlar as atitudes do(a) parceiro(a), você está sendo abusivo. E não adiantar tentar acreditar que isso é zelo, cuidado ou prova de amor. Entender que esse comportamento não é adequado e buscar ajuda é a melhor solução. Não será um processo fácil, geralmente, o comportamento abusivo tem raízes arraigadas em sua história de vida e cultura, por isso é importante responsabilizar-se e buscar ajuda especializada.


Para estes casos, a psicoterapia é o processo mais indicado.


7 visualizações

2019-2020 © TherAppy | Termos de Uso