Vivendo no limite: o jeito Borderline de ser

O transtorno de Personalidade Borderline é um padrão difuso de instabilidade das relações interpessoais, da autoimagem e de afetos e de impulsividade acentuada que surge no começo da vida adulta e está presente em vários contextos. As pessoas com transtorno da personalidade borderline apresentam um padrão de relacionamentos instável e intenso. Podem idealizar companheiros potenciais em um primeiro ou segundo encontro, exigir ficar muito tempo juntos e partilhar os detalhes pessoais mais íntimos logo no início de um relacionamento. Entretanto, podem mudar rapidamente da idealização à desvalorização, sentindo que a outra pessoa não se importa o suficiente, não dá o suficiente e não está “presente” o suficiente.⠀ Indivíduos com transtorno da personalidade borderline mostram impulsividade em pelo menos duas áreas potencialmente autodestrutivas. Podem apostar, gastar dinheiro de forma irresponsável, comer compulsivamente, abusar de substâncias, envolver-se em sexo desprotegido ou dirigir de forma imprudente. Indivíduos com transtorno da personalidade borderline mostram impulsividade em pelo menos duas áreas potencialmente autodestrutivas. Apresentam recorrência de comportamento, gestos ou ameaças suicidas ou de comportamento de automutilação. Suicídio ocorre em 8 a 10% de tais indivíduos, sendo que atos de automutilação (p. ex., cortes ou queimaduras) e ameaças e tentativas de suicídio são muito comuns.⠀

A terapia Cognitivo-Comportamental é a abordagem psicológica mais indicada no tratamento da personalidade borderline, juntamente com acompanhamento psiquiátrico.


7 visualizações

2019-2020 © TherAppy | Termos de Uso